Blog, Links Patrocinados, Visitantes Qualificados,

Como planejar seu orçamento de links patrocinados em campanhas de Inbound Marketing

Por Roger Caetano em 24 de Maio de 2017
Campanhas pagas, com Links Patrocinados em Redes Sociais e Redes de Pesquisas, são indispensáveis para atração de Leads. Saiba como planejar o seu orçamento!
Leitura de 4 minutos
Como planejar seu orçamento de links patrocinados em campanhas de Inbound Marketing
5 (100%) 7 votes

Todo gestor deseja e cobiça aquela máquina de atração de Leads para a sua campanha de Inbound Marketing. A ideia de múltiplos canais nutrindo a base com novos Leads diariamente é estimulante para os profissionais mais focados e atualizados com o mundo digital.

Por isso, campanhas pagas, com links patrocinados em redes sociais e redes de pesquisas, são indispensáveis para atingir esse objetivo. Porém, eis que surge a pergunta: quanto devo investir? A resposta é retórica, mas traz outra questão: quanto você pretende vender? Vamos descobrir nos parágrafos seguintes.

Aquisição de leads é fundamental

Em qualquer campanha de Inbound Marketing, o objetivo é criar e gerenciar uma base de Leads, organizada dentro de um Funil de Vendas que conduza e acompanhe o contato desde o primeiro momento em que o Lead conheceu a sua empresa até a hora que fez a aquisição de um produto ou solução.

Para dar os primeiros passos nesse processo, novos Leads devem ser adquiridos diariamente para formar uma base robusta. Isso é feito por meio de canais de aquisição como: pesquisa orgânica, redes sociais, tráfego direto para o site e, é claro, campanhas de links patrocinados como Adwords, Facebook Ads, LinkedIn Ads e etc.

A campanha deve ser definida em curto, médio e longo prazo

Os canais gratuitos funcionam com uma eficácia de longo prazo, enquanto os canais pagos trabalham entre curto e médio prazo. Assim, podemos dividir o tempo de aquisição na campanha de Inbound nesses três momentos.

Os investimentos feitos no curto e médio prazo são cruciais para a sobrevivência da campanha, pois garantem que já existam Leads a serem nutridos quando os canais de longo prazo possam atingir sua eficiência. O quanto se deve investir para fazer acontecer está diretamente ligado ao quanto a empresa pretende vender.

Você precisa saber o quanto deve gastar

Para isso, o negócio deve estar bem definido e dimensionado, com todas as etapas programadas e seu planejamento financeiro estruturado. O objetivo é saber o quanto a empresa é capaz e pretende vender dentro de um determinado período de tempo e o quanto ela pode investir por venda em Inbound Marketing

A ideia ao juntar esses dados é saber até o quanto é vantajoso pagar por um Lead Oportunidade. Assim, podemos multiplicar esse valor pela quantidade de entregas que o negócio é capaz de fazer.

Em um exemplo hipotético, João criou uma startup que desenvolve e fornece uma plataforma ERP para construção civil. Ele calculou que a capacidade operacional de sua equipe e servidores consegue entregar com estabilidade 1000 planos de assinatura do serviço no prazo de um ano. Após calcular custos operacionais, margem de lucro e etc, ele também calculou que ainda é vantajoso para o seu negócio pagar até R$10,00 por Lead Oportunidade.

Em média, sua equipe de vendas consegue uma taxa de sucesso de 25% para cada contato feito, chegando a conclusão que se consegue a venda de um plano de assinatura para cada R$40,00 investido em links patrocinados.

Se João pode ter 1000 assinantes e se está conseguindo vender um plano para cada R$40,00 investidos, sendo que seu lucro é preservado, faz sentido gastar pequenos valores com a estratégia de atração de Leads?

O mais lógico é multiplicar esses dois números para fazer render o máximo de investimento em relação ao tempo e capacidade operacional, distribuindo ao longo do período planejado, que no caso de João é de um ano.

Assim, no exemplo citado, temos a projeção de R$40.000,00 para ser dividido por 12 meses, que podemos arredondar para R$3.300,00 por mês de campanha.

Vale investir assim em links patrocinados?

O leitor deve estar se perguntando o quão seguro pode ser essa projeção, já que ela é apenas se baseia em uma simples estatística e, mudanças no ambiente, tanto externas quanto internas, podem mudar drasticamente a taxa de sucesso na aquisição de Leads oportunidade e vendas.

Afirmo que ela é completamente incerta, porém segura, pois ela atinge sua maturidade de curto a médio prazo, permitindo que os envolvidos tomem providências necessárias para melhor otimizar o investimento.

Assim, nos primeiros meses, pode se avaliar se existe um retorno positivo e continuar com o trabalho de otimização. Em caso de um retorno negativo, pode-se reavaliar a estratégia e decidir se deve dar continuidade ou não com o investimento planejado.

E você, gostou do nosso artigo? Já gerou o seu planejamento de orçamento de Ads? Compartilhe com a gente a sua opinião e compartilhe nosso artigo nas redes sociais.

Você gostou do nosso artigo? Compartilhe nas Redes Sociais!

Roger Caetano

Roger Caetano

Head of Ads em Conexorama
Jornalista por formação e inbound marketer por demanda. Gosta de games, documentários e ler sobre ciência, política e economia. Também faz cerveja em casa.
Roger Caetano