Blog, Marketing de Conteúdo,

Marketing em saúde: como fazer e qual a melhor opção?

Por Ana Mendes em 3 de agosto de 2018
Neste artigo, vamos explicar mais profundamente como utilizar o marketing em saúde nas suas estratégias para obter e fidelizar clientes.
Leitura de 6 minutos
Marketing em saúde: como fazer e qual a melhor opção?
5 (100%) 1 vote

Se antes, você procurava médicos e clínicas em listas telefônicas ou até mesmo ligava para convênios em busca de uma indicação, hoje a situação mudou. Atualmente, o marketing em saúde fez com que redes sociais, e-mail marketing e outras tecnologias ganhassem a confiança dos pacientes que buscam bons profissionais na hora de marcar suas consultas.

E, convenhamos, é realmente muito mais prático, não é? Em vez de procurar em listas eternas que possuem poucas informações a respeito dos profissionais, com as redes sociais, por exemplo, você tem a oportunidade de conhecer, de fato, o trabalho realizado pelo médico – ou outro profissional da saúde -, checar avaliações e fazer uma escolha muito mais consciente.

Diante desse cenário, os profissionais da área da saúde devem começar o quanto antes a tirar proveito do marketing em saúde. E, caso você já esteja presente digitalmente, existem sempre alternativas para otimizar suas ações e obter melhores resultados.

Neste artigo, vamos explicar mais profundamente como utilizar o marketing em saúde nas suas estratégias para obter e fidelizar clientes. Vamos lá!

Marketing em saúde: por que investir?

Antes de criar sua estratégia e sair produzindo conteúdo em todos os canais de comunicação, é interessante conhecer quais os benefícios que você pode obter com o marketing em saúde. Afinal, só assim você vai conseguir definir objetivos claros e, consequentemente, alcançar suas metas. Veja alguns motivos para investir nessa área:

Fornecer informações de qualidade

Em todas as áreas é interessante o compartilhamento de informações e conteúdos relevantes. No entanto, quando se trata de saúde, essa ação se torna ainda mais importante. Afinal, estamos lidando com um assunto muito sério e que influencia diretamente no bem-estar da população.

Portanto, compartilhar boas práticas e alertar para alguns cuidados é importante para promover a saúde de todos. E, como não poderia deixar de ser, essas ações também contribuem para criar um relacionamento mais próximo com seus pacientes – ou possíveis pacientes – e firmá-lo como autoridade na área.

Incentivar acompanhamento médico

Você provavelmente conhece uma – ou mais – pessoa que tem aquela mania de se automedicar (e muitas vezes, medicar até o outro!).

E, com o maior acesso da população às informações, as pessoas têm se preocupado mais com a própria saúde, o que é algo positivo. Mas, apesar disso ser um bom sinal, deve-se levar em conta que nem tudo que está na internet é confiável. E fazer uma rápida consulta ao Google não é o caminho para resolver e curar doenças.

Nesses casos, estando fora das dos canais de comunicação, muito pouco se pode fazer a respeito disso, não é mesmo? No entanto, se você, enquanto profissional da saúde, começar a produzir seus próprios conteúdos, poderá divulgar a importância de marcar uma consulta para resolver os casos de forma específica e assertiva.

E essas pessoas que leem o seu conteúdo, se realmente quiserem investigar mais a fundo o que significam os sintomas que estão sentindo, adivinha que profissional elas vão procurar para marcar suas consultas? Isso mesmo: você.

Conquistar novos clientes

As duas vantagens de investir em marketing na área da saúde que já mencionamos neste artigo são em relação ao seu reconhecimento enquanto autoridade na sua área de atuação.

Agora, vamos entrar mais na área que influencia diretamente questões financeiras. Ao aumentar a sua visibilidade e se firmar como autoridade na sua especialidade, você, com certeza, conquistará novos pacientes.

E isso acontece por duas razões: primeiro porque, ao escrever conteúdos relevantes, as pessoas terão mais confiança em você. Afinal, não restam dúvidas que você tem conhecimentos aprofundados no assunto, certo? E o segundo motivo é que, naturalmente, com as estratégias de marketing, mais e mais pessoas conhecerão o seu trabalho.

Fidelizar atuais clientes

Conquistar novos clientes é ótimo, concorda? Mas fidelizá-los é ainda melhor! A gente sabe que, em todas as áreas, um profissional só se torna realmente bem-sucedido quando conquista uma quantidade significativa de clientes – no caso da saúde, pacientes – fidelizados, que sempre procuram você quando precisam.

Ao criar estratégias de marketing em saúde, você mantém um relacionamento mais duradouro com seus pacientes. Eles continuam recebendo e-mails, acompanhando suas postagens nas redes sociais e, dessa maneira, sabem exatamente onde procurá-lo, em caso de necessidade.

Cuidados ao criar suas estratégias

Clínicas, médicos e outros profissionais da saúde têm liberdade para divulgar seus serviços, mas é imprescindível observar as limitações legais que envolvem essas ações. Só assim você garante que não vai desrespeitar nenhuma determinação definida pelo Conselho Federal de Medicina.

Então já sabe: antes de colocar em prática qualquer ação de Marketing de Conteúdo, confira se ela não fere nenhuma determinação. E, de preferência, conte com a ajuda de parceiros que estejam preparados para atender este tipo de segmento.

Saiba como atrair o público

Você já deve ter lido por aí que cada canal de comunicação tem sua própria finalidade e apresenta melhores – ou piores – resultados, de acordo com o seu objetivo, certo? E isso é a pura verdade!

Por isso, é importante montar uma estratégia completa, que envolva diversos canais. Só assim você atingirá o máximo de pessoas possível. Conheça alguns dos principais meios de atrair sua audiência:

  • Blog: a produção de blogposts com conteúdos relevantes é um dos meios mais eficazes de atrair nova audiência.
  • E-mail Marketing: é uma ação bem interessante para manter o relacionamento com as pessoas que já estão na sua base de Leads. Você pode distribuir os artigos e outros conteúdos produzidos.
  • Redes sociais: são opções ótimas para criar relacionamento com visitantes e futuros Leads. Nesses casos, você pode divulgar seus conteúdos para pessoas que ainda não estão na sua base.
  • Site: um site é o local no qual você vai poder colocar todas as suas informações e esclarecer dúvidas.
  • Links patrocinados: anunciar o seu site, seus artigos e seus serviços é uma forma de alcançar um maior número de pessoas. Ao segmentar corretamente o seu público, você conseguirá expandir sua base de contatos e conquistar novos pacientes. É uma alternativa muito interessante para obter resultados a curto prazo.

E você, tem alguma outra sugestão para incrementar as estratégias de marketing em saúde? Compartilhe com a gente!

Você gostou do nosso artigo? Compartilhe nas Redes Sociais!

Ana Mendes

Ana Mendes

Jornalista se enveredando pelas áreas do Marketing Digital. Sonha um dia em resgatar todos os animais de rua.
Ana Mendes