Analisar, Blog, Inbound Sales,

Os cuidados importantes para quem está começando a Vender Online

Por Jean Vidal em 17 de maio de 2016
Vender online exige muito mais do que ter um bom site e um produto/curso competitivo. Entenda elementos que vão ajudar a aumentar vendas.
Leitura de 4 minutos
Os cuidados importantes para quem está começando a Vender Online
5 (100%) 2 votes

Vender sempre será uma necessidade de todas as empresas e, com a internet cada vez mais presente, alguns formatos ganharam grande destaque devido ao crescimento financeiro, como o comércio eletrônico de produtos (e-commerce) e cursos (e-learning).

Mas se aventurar em vendas online exige muito mais do que ter um bom site e um produto/curso competitivo. Você precisará ter um relacionamento com sua audiência e se posicionar como autoridade no seu assunto para assim manter uma comunicação agradável até chegar no momento de compra.

Por isso no artigo de hoje mostramos alguns pontos importantes sobre vendas Online para quem está começando (e que vale de revisão para quem já tem uma loja virtual de sucesso). Confira!

Os cuidados para Vender Online

Para entendermos o Inbound Marketing como uma metodologia ideal para quem vende online, precisamos primeiro deixar claro os principais cuidados que impactam a venda digital. São eles:

1. Comunicação simples e direta

É fato que estamos todos sempre corridos e isso se reflete quando navegamos na internet. Por isso, quem vende um produto ou curso deve ser claro na sua mensagem, de modo que quem está navegando possa identificar rapidamente os pontos principais da oferta. Mas cuidado! Ser claro não significa copiar do fornecedor a melhor mensagem mas sim desenvolver o seu “modo de vender” com uma comunicação única e bem trabalhada.

2. Vende-se uma imagem e entrega-se um produto

Muito ligado ao e-commerce, mas também influente no e-learning, as imagens são impactantes na decisão de comprar algo online. Unifique uma imagem bem trabalhada com o item anterior (comunicação) e você começará a ter uma atuação de qualidade.

3. Não “pedir em casamento no primeiro encontro”

O erro tradicional de muitos que estão começando com vendas online é considerar que o seu produto ou oferta irá converter rapidamente, mas não é bem assim. Afinal, cada pessoa está em um momento de compra e muitas pessoas até terão interesse mas não conseguirão comprar agora. Por isso, o seu marketing precisa estar preparado para se relacionar, seja com um blog posicionado como autoridade (repassando conteúdos importantes) ou com materiais para download grátis, onde você solicita – em troca da conversão – o e-mail do visitante (para começar o Marketing de relacionamento).

Ainda que sejam simples, é importante destacar esses três pontos pois eles correspondem a uma parcela muito grande dos erros na atuação digital dos vendedores. Outros pontos também impactam mas iremos falar deles mais à frente. Por hora, vamos entender quais são os pontos-chave do Inbound para Vendas Online.

Como o Inbound Marketing potencializa suas vendas online

A aplicação da metodologia do Inbound tende a ser um passo importante para o desenvolvimento e consolidação dos resultados financeiros diante do seu mercado e dos desafios. Neste processo, alguns pontos ficam evidentes:

1. Ter outras opções no site (além da venda);
2. Capturar Leads interessados no seu assunto;
3. Relacionar-se com essa base até o momento de compra;
4. Maior confiança na decisão de compra (autoridade);
5. Poder maximizar os resultados através da Automação de Marketing.

Para exemplificar, vamos considerar que um visitante acessou o seu site (e você já pratica o Inbound Marketing). Durante a navegação, ele encontra os botões de comprar o produto/curso mas também encontra outras opções (como eBooks gratuitos). Como ele se interessa pelo tema, mas está sem dinheiro ou tempo, apenas baixa o material.

Depois de alguns dias ele recebe um e-mail (da sua automação) de uma pessoa que é autoridade no assunto, passando mais dicas importantes. Com calma, ele verifica essas dicas e vai aumentando o interesse na solução. Em determinado momento, ele recebe um e-mail com teor promocional e, agora que ele já acompanha você, não resiste e compra a sua oferta.

Ainda que não ocorra necessariamente sempre nesse formato, o exemplo acima é bem comum de acontecer (e talvez até você já tenha vivenciado algo assim). Agora, para não deixar dúvidas, vamos focar nossa atenção no que seria o processo do Inbound Marketing. Confira logo abaixo!

Esse conteúdo é um trecho do nosso ebook “Plano de Inbound Marketing para Vendas Online”. Confira o conteúdo integral baixando nosso material no banner abaixo. Se você gostou do conteúdo, não deixe de comentar ou compartilhar nas Redes Sociais!

Você gostou do nosso artigo? Compartilhe nas Redes Sociais!

Jean Vidal

Jean Vidal

CEO e Growth Hacker em Conexorama
Atuo há mais de 14 anos com Marketing Digital, tendo participado do nascimento da Resultados Digitais. Tenho experiências como Gerente de Ecommerce e participei diretamente na implantação de mais de 100 projetos de Inbound Marketing.
Jean Vidal